Idosos receberão vacina contra gripe na porta de casa; doses já acabaram, mas prefeitura solicita nova remessa

Idosos receberão vacina contra gripe na porta de casa; doses já acabaram, mas prefeitura solicita nova remessa

Nesta segunda-feira (23) iniciou em todo o país a Campanha Nacional de Vacinação. Os trabalhos, neste primeiro momento, são voltados para idosos e profissionais da saúde. Em Mirandópolis, a campanha ocorre nas escolas municipais Hélio Faria e Ebe Aurora Fernandes Marcos, das 7h às 15h.

A partir desta terça-feira (24), os trabalhos seriam feitos nos bairros, de porta em porta, para que a população idosa não precisasse sair de casa, informou ao jornal a diretora do departamento de Saúde da prefeitura, Kathia Zogbi. No entanto, as 1.500 doses enviadas pelo estado para a prefeitura já se esgotaram. O prefeito Everton Sodario (PSL) disse que a demanda foi alta e pediu nova remessa ao estado, prevista para chegar no próximo sábado (28).

Após a chegada das doses, os profissionais de saúde irão percorrer os bairros para atender os idosos. O calendário dos trabalhos ainda não foi divulgado pela prefeitura.

A campanha vai contar com duas etapas. A primeira, que inicia nesta segunda-feira (23), mira idosos e trabalhadores da saúde. A segunda, a partir de 16 abril, irá imunizar doentes crônicos, professores (rede pública e privada) e profissionais das forças de segurança e salvamento.

A última fase, que começa dia 9 de maio, atenderá crianças de 6 meses a menores de 6 anos, pessoas com idade entre 55 e 59 anos, gestantes puérperas (até 45 dias após o parto), povos indígenas, pessoas com deficiência, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, presos e funcionários do sistemas prisional.

A vacina trivalente protege contra Influenza A (H1N1), Influenza B e Influenza A (H3N2). Ela não protege contra o Covid-19 (novo coronavírus).