Academias, barbearias e salões de beleza continuarão fechados, diz Doria

Academias, barbearias e salões de beleza continuarão fechados, diz Doria

O governador João Doria (PSDB) disse nesta quarta-feira em coletiva no Palácio dos Bandeirantes que academias de ginástica, barbearias e salões de beleza deverão continuar fechados no estado.

O presidente Jair Bolsonaro incluiu esses estabelecimentos como serviços essenciais e assinou decreto federal. Porém, governadores de outros estados disseram que não irão seguir essa orientação.

Segundo Doria, nenhuma mudança ocorrerá no decreto estadual até 31 de maio. Algumas cidades da região como Araçatuba, Guararapes, Ilha Solteira e Penápolis estavam seguindo o decreto federal.

“Aqui em São Paulo o governo respeita e ouve o secretário de Saúde, o seu comitê de Saúde. Comitê de Saúde e secretário indicam que ainda não temos condições sanitárias seguras para autorizar a abertura de academias, salões de beleza e barbearias neste momento. Nosso maior respeito por esses profissionais é garantir a sua vida, sua existência e sua saúde”, disse o governador.