Sessão na câmara de Mirandópolis tem indicação para reativar o programa Jovem Aprendiz

Sessão na câmara de Mirandópolis tem indicação para reativar o programa Jovem Aprendiz

Aconteceu na segunda-feira (16) a 16ª sessão ordinária na Câmara Municipal de Mirandópolis. Entre as pautas estavam 8 indicações, 3 projetos de lei, 2 moções de pesar e 1 moção de aplauso.

Entre as indicações, Claudio Gomes da Silva indicou a construção de uma plataforma plana na Avenida Dr. Osvaldo Brandi, em frente a CEI Graciosa Miloch Nozela, no bairro Jardim Aeroporto. O vereador ainda fez uma segunda indicação ao prefeito Everton Sodario, pedindo a construção de um campo de futebol society, onde já existe uma área da prefeitura, no bairro Amandaba

O edil José Benedito Brufatto, o Chutudo, solicita a colocação de fresa asfáltica na junção entre as ruas Acácio Ferreira Marta, Nicola Forte e Angelim Anhani, no bairro Jardim Nogara. O vereador fez uma outra indicação pedindo a instalação de um redutor de velocidade (lombada) em ponto estratégico da rua Nilton Rocha, no bairro Nogara.  Além disso, ele solicita providencia na instalação de iluminação pública na antiga estação ferroviária, pois no local são realizados os exames para carta de motorista.

Os vereadores Magali Mazieiro e Emerson Carvalho indicaram a colocação de fresa asfáltica em um determinado espaço dentro da Amai de Mirandópolis. Eles explicam que o pedido faz sentido porque o espaço que é de terra ocasiona muita poeira nesse período de seca, sendo que quando chove os veículos têm muita dificuldade de locomoção. Por isso, a benfeitoria será de grande valia para a entidade, bem como para os internos que sofrem no período de seca com a poeira, pois as janelas dos quartos estão voltadas para esse espaço.

Já Monica Machado Ijichi indicou ao prefeito que seja estudada a possibilidade de distribuição de absorventes higiênicos gratuitamente nas escolas públicas municipais e estatuais, e nas unidades básicas de saúde para mulheres em situação de vulnerabilidade econômica e social, seguindo os critérios do programa estadual “dignidade íntima”. Segundo a vereadora, a justificativa é que o acesso ao absorvente higiênico é uma necessidade básica, um problema de saúde pública e de dignidade para as mulheres. “A distribuição gratuita visa beneficiar as mulheres que não possuem condições financeiras para adquirir os produtos, incluindo também as estudantes da rede pública, uma vez que a falta de absorvente para adolescentes pode causar evasão escolar nos períodos menstruais, e ainda, contribuirá para a prevenção de riscos de doenças pela falta de higiene no período menstrual”, justifica Monica.

A edil ainda fez uma nova indicação na tentativa de implantar ou reativar o Programa Jovem Aprendiz em nosso município.  “É fato que para conseguir seu primeiro emprego, o jovem enfrenta diversas dificuldades, dentre elas a falta de experiência profissional. Um dos maiores desafios do jovem no mercado de trabalho é encontrar uma primeira oportunidade. Portanto, com o projeto Jovem Aprendiz, poderemos abrir um caminho de aprendizagem para os adolescentes de nosso município, garantindo empregabilidade para a juventude e formação profissional, além de motivar o jovem nos estudos e providenciar auxílio financeiro à família”, explica Monica.

Vale ressaltar que a indicação parlamentar não tem caráter obrigatório. Cabe a prefeitura decidir se acata ou não o pedido do vereador.

Sessão respeitou um minuto de silencio pelo falecimento do José dos Reis Machado, pai da vereadora Monica

PROJETOS DE LEI

O vereador Afonso Carlos Zuin colocou na pauta um projeto de lei declarando entidade de utilidade pública municipal a associação Conchetta Bettone Delai – Ser Criança. O vereador Tiago Soares da Silva apresentou um projeto de lei visando instituir em Mirandópolis a Semana Municipal de Conscientização do Descarte Responsável do Lixo. Já o prefeito municipal, Everton Sodario, apresentou um projeto que autoriza o poder executivo a firmar convênio com o Departamento de Estradas e Rodagem do Estado de São Paulo – DER/SP.

MOÇÂO DE APLAUSO

O edil Claudio Gomes colocou na pauta da sessão uma moção de aplauso ao cidadão mirandopolense Romeu Jacomine pelos serviços prestados e por sua dedicação aos trabalhos filantrópicos, bem como pelo zelo, arborização e cuidado com o “trevo” da entrada do nosso município.

Romeu e familiares recebendo a moção de aplauso do vereador Claudio Gomes

MOÇÕES DE PESAR

Os vereadores Afonso Carlos Zuin, Ederson Pantaleão e Roberto Gonçalves colocaram moções de pesar pelo falecimento do João Vieira Lima, ocorrido no dia 5 de agosto, e de Luiz Paulo Mardegan, que faleceu no dia 6 de agosto.