Ozeias Moreira terá obras expostas em Portugal

Ozeias Moreira terá obras expostas em Portugal

O artista Ozeias Moreira vai ter suas obras divulgadas na exposição coletiva de pintura ‘Expo Vernissage LusArtes’, sob a curadoria de Rosangela Herbert, em Portugal. O evento, que acontece no dia 11 de março, traz sobre o aspecto temático uma visão lusitana dos artistas de Portugal e do Brasil em sua contemporaneidade.

“A exposição traz o conceito de singularidade que reside em cada artista com suas ideias, conhecimentos de sua cultura e experimentações artísticas. A arte encontra no figurativo, no abstrato, nas paisagens, nas figuras humanas e da natureza um modo particular de se pensar e produzir arte, reunindo diversas possibilidades de produção artísticas”, explica Moreira

Segundo o artista, esse reconhecimento internacional aumentou as propostas de trabalho, tanto em Mirandópolis como na região. “As pessoas tem observado com outros olhos as pinturas coloridas e bastante expressivas. Procuro retratar as culturas e os costumes de cada região, principalmente aquelas que já estão quase esquecidas nas memórias das pessoas. Estou extremamente feliz de levar minha arte para outros países”, finaliza Ozeias.

Obras do artista mirandopolense que serão expostas em Portugal em março.

QUEM É OZEIAS

Ozeias passou sua infância no campo, sendo que iniciou a carreira artística aos oito anos. “Adorava desenhar animais, flores, aves, trabalhadores, paisagens e tudo que via e vivia. Participei da revista Arte Revista, do Rio de Janeiro, em outubro de 2020. Agora, em março de 2021, minha obra com o título Harmonia será capa da Revista Arte & Poesia”, lembra.

O artista conheceu as cores aos 17 anos e passou a ilustrar paisagens em óleo sobre tela. Em 2001, a arte tornou-se sua principal fonte de renda e assim tornou sua profissão. “Participei de várias exposições de rua, somando mais de 35 exposições por várias cidades e estados. Dei curso voluntário de aerografia para adolescentes e trabalhei para o Estado oferecendo cursos de pintura em tela para adolescentes infratores (medida sócio educativa – Liberdade Assistida). Adoro pintar murais urbanos retratando histórias de municípios e região”, comenta.

Reconhecido internacionalmente, ele já esteve representando o Brasil na Bienal Cultural de Artes em Belgrado, Montenegro, Servia e Grécia.