Iracema Comeli Pascoaletto se torna nome de rua; Afonso pede que prefeito priorize construção de canaletas em frente ao CCZ

Iracema Comeli Pascoaletto se torna nome de rua; Afonso pede que prefeito priorize construção de canaletas em frente ao CCZ

Aconteceu na segunda-feira (11) a sexta sessão ordinária de 2022 na Câmara de Mirandópolis. Entraram em pauta 3 indicações e 2 moções de pesar. Além disso, a vereadora Mônica Machado fez um projeto de lei para que a Rua C, localizada no bairro residencial Alto da Boa Vista II, passe a se chamar Rua Iracema Comeli Pascoaletto.

“Iracema Comeli Pascoaletto, nasceu em Penápolis em 1947, filha de Jose Comeli e Elazir dos Santos Comeli. Casada com Antonio Aparecido Pascoaletto, em 1966, tiveram três filhos: Maria Aparecida, Marilene e Luis Antonio, e quatro netos. Iracema sempre vendeu guardanapos que ela mesmo confeccionava, com isso ajudava no sustento da família e nas despesas da casa. Ela mesmo pintava e saia vendendo de porta em porta, assim como ia para várias cidades da região levar suas encomendas”, diz um trecho da justificativa do projeto.

“Sempre se dedicou a igreja católica e a ajudar o próximo, realizou várias campanhas do agasalho e de entrega de cesta básicas para ajudar os mais necessitados. Enfim, ela era muito dedicada a tudo que se relacionava a fazer o bem a alguém, e também gostava muito de política. Era ministra da eucaristia e professora de catequese, também frequentava o hospital para fazer orações aos doentes. Iracema estava sofrendo de Alzheimer há oito anos e devido as complicações com diabetes e hipertensão arterial, infelizmente faleceu aos 73 anos no dia 29 de novembro de 2020. Temos certeza absoluta que onde ela estiver, ficará muito feliz com essa singela homenagem”, finaliza a justificativa.

INDICAÇÕES

O vereador Afonso Carlos Zuin fez uma indicação para que o prefeito priorize no menor tempo possível a construção das canaletas de escoamento das águas pluviais, localizada na extensão da Rua 9 de Julho, a partir do cruzamento dessa rua com a Rua Antônio Rodrigues de Carvalho, trecho localizado em frente ao Centro de Controle de Zoonoses (CZZ) até a curva do córrego. Segundo o edil, em grande parte sua extensão está destruída, ocasionando erosões nas margens da Rua 9 de julho (vicinal que liga Mirandópolis a Lavínia) o que poderá danificar o novo recape, cuja obra custou aos cofres do Estado aproximadamente R$ 4 milhões, além dos transtornos que poderão ocorrer nas margens da rua.

“Com as chuvas não existe mais galeria. Além de existir assoreamento, a enxurrada esta fazendo grandes erosões. Isso sem contar que não temos acostamento na vicinal, se com um trafego intenso. Se começa a desbarrancar a beirada do asfalto, vamos perder uma obra que o governo aplicou quatro milhões de reais. Peço ao prefeito Mirão, pois sou um vereador que sempre apresento requerimento e indicação, mas infelizmente não foram atendidos. Vamos ser responsáveis pela obra feita, fica meu pedido porque se faz necessária e é em benefício da população”, justifica Afonso.

Os vereadores Magali Mazieiro e Emerson Carvalho pedem para que o prefeito providencie um estacionamento de motos na rua Bahia, lateral ao número 1705. Já o vereador Roberto Gonçalves indica a implantação de uma plataforma plana com faixa de pedestre e piso tátil, em frente ao supermercado Sakashita, que fica localizado no bairro Paulicéia.

Vale ressaltar que a indicação parlamentar não tem caráter obrigatório. Cabe a prefeitura decidir se acata ou não o pedido do vereador.

MIRÃO RECEBENDO GRAMPOLA

O vereador Grampola Pantaleão comentou que esteve durante a semana no gabinete do Mirão para alinhar com o atual prefeito o destino de uma emenda conquistada junto ao deputado federal Guilherme Mussi e sua equipe – Maurício Neves e Jeferson Modesto, no valor de R$ 150 mil. “A verba está parada na conta da prefeitura desde maio do ano passado. Agora acredito que antes do meio do ano, com ajuda da prefeitura, vamos iniciar a construção da tão sonhada quadra no bairro Jardim Santa Rosa. Agradeço a recepção que tive hoje na prefeitura. Mirão, quero reforçar que estamos aqui para somar, o que for bom para Mirandópolis pode contar comigo”, ressalta Grampola.

Mirão em seu gabinete recebendo o vereador Grampola e os representantes do bairro Santo Rosa

MOÇÕES DE PESAR

Os edis Afonso, Ederson Pantaleão e Roberto fizeram uma moção de pesar pelo falecimento de João Geraldo Roveri, ocorrido no dia 2 de abril de 2022. Os vereadores Magali e Emerson colocaram uma moção de pesar pelo falecimento de Aparecida Raymunda de Oliveira, ocorrido no dia 19 de março de 2022.