Ana Caldatto: sou uma colecionadora de emoções

Ana Caldatto: sou uma colecionadora de emoções

Bonecas, brinquedos antigos e um bom momento nostalgia. O acervo de Ana Caldatto, que é uma verdadeira colecionadora de emoções, traz muito mais do que apenas antiguidades, é composto por emoção e nostalgia. Em sua coleção encontra bicicletas, telefones, embalagens de produtos, lamparinas, fita cassete, disco vinil e mais de duas mil bonecas.

“Cresci ouvindo meus pais sobre a importância de conservar estas memórias e valorizá-las. Comecei minha coleção aos noves anos e a boneca que marca o início desta paixão é a Pinky (lançada pela Estrela em 1975)”, explica Ana Caldatto.

A colecionadora lembra até hoje do Natal em que ganhou sua primeira boneca, que ao passar por uma restauração em 1997, teve os olhos trocados. “Deixaram de ser verdes (original) para tornarem-se azuis. Por sorte, encontrei uma Pinky original e comprei para que a minha boneca voltasse a ter os olhos dela”, relembra.

Ana tem como foco colecionar, principalmente, as bonecas de produção nacional, dos anos 60, 70 e 80, sendo uma verdadeira caçadora de relíquias. Já perdeu as contas de suas idas em feiras, bazares beneficentes, encontros de antiguidades e sites de vendas para encontrar alguma relíquia – entre as bonecas preferidas estão Susis, Barbies e Blythes.

“Colecionar é a emoção de brincar de boneca aos 40, de caçar a relíquia de memórias, de levar boas lembranças a quem visita meu blog e depara-se com uma boneca que foi de infância, enfim, colecionar é emocionar-se”, finaliza Ana.

Curiosidades

  • Em 2013, recebeu um convite do SESC Pompéia, de São Paulo, para participar da exposição Mais de mil brinquedos para criança brasileira;
  • Em 2014, as Bonecas Blythes estamparam a reportagem da Revista Make;
  • Sua coleção fez parte da organização do 1º Blythecon Brasil São Paulo com a anfitriã estilista Thais Gusmão, em 2014;
  • Participou da exposição de bonecas Blythe no Shopping JK Iguatemi;
  • Participação na OXFORD University Press com o tema “Brincar como no tempo da vovó com brinquedos e brincadeiras antigas”;
  • Em 2014, as bonecas “assustadoras” participaram da gravação da pegadinha do SBT sob o tema Annabelle;