‘Operação Delivery’ em Lavínia prende seis pessoas em flagrante por tráfico de drogas

‘Operação Delivery’ em Lavínia prende seis pessoas em flagrante por tráfico de drogas

A Polícia Civil realizou na quinta-feira (18) a ‘Operação Delivery’, em Lavínia, onde foram cumpridos mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça. Como resultado da operação seis pessoas foram presas em flagrante por tráfico de drogas.

O escopo da operação foi apurar a notícia de tráfico de drogas, e em posse de mandados de busca e apreensão domiciliar, expedidos pelo Poder Judiciário, solicitados pela Autoridade Policial de Lavínia, Policiais Civis da Delegacia de Lavínia, com apoio de Policiais Civis de Mirandópolis, DISE de Andradina, DIG de Andradina, Del. Pol. Murutinga do Sul, Castilho, Nova Independência, Pereira Barreto, Suzanápolis e Sud Mennucci realizaram buscas em sete endereços em Lavínia.

Como resultado das diligências:

  • J.R.R., de 22 anos, foi preso em flagrante por tráfico de drogas, pois em sua residência foram encontradas uma porção de maconha, que pesou de 26,83 gramas, escondida no armário da cozinha e dois simulacros de arma de fogo no guarda-roupas do quarto do preso, além de seu celular ter sido apreendido para investigação;
  • M.V.B., de 32 anos, foi preso em flagrante por tráfico de drogas, pois em sua residência foram encontradas 67 porções de crack, 9 porções de cocaína e 37 porções de maconha, além de um caderno com anotações de contabilidade de tráfico de drogas;
  • V.B.B., de 27 anos, foi preso em flagrante por tráfico de drogas, pois em sua residência foram encontradas 14 porções de cocaína, embaladas em sacos plásticos de “gelinho”, e 18 porções de maconha, embaladas em sacos plásticos de “gelinho”, além de apetrechos para o preparo de droga para a venda;
  • J.R.C., de 23 anos, foi presa em flagrante por tráfico de drogas, pois em sua residência foram encontradas uma porção de maconha, que pesou 5,3 gramas, uma balança de precisão, sete eppendorfs vazios e 14 saquinhos plásticos comumente usados para guardar drogas, com resquícios de substância que aparenta ser cocaína, escondidos na gaveta do guarda-roupas do quarto da presa, também foram encontrados 3 aparelhos celulares apreendidos para investigação e a quantia de R$ 68 em notas diversas e R$ 10,85 em moedas;
  • R.C., de 35 anos, foi preso em flagrante por tráfico de drogas, pois em sua residência foram encontradas uma porção de maconha, que pesou 1,94 gramas, R$ 3.570 em dinheiro em cima do guarda-roupas do quarto do preso, um pote de fermento em pó e um pequeno dosador na janela da cozinha, comumente utilizados para diluir cocaína e 55 sacos plásticos de “gelinho”, comumente utilizados para embrulhar drogas, além de seu celular ter sido apreendido para investigação;
  • R.J.S., de 22 anos, foi preso em flagrante por tráfico de drogas, pois em sua residência foram encontradas uma porção de maconha, que pesou 1,74 gramas, dois eppendorfs (um contendo cocaína e o outro vazio), que pesaram 1,27 gramas, e a quantia de R$ 370 em notas diversa, além de seu celular ter sido apreendido para investigação;

Após o registro das ocorrências J.R.R., M.V.B., V.B.B., R.C. e R.J.S. foram encaminhados à Cadeia Pública de Pereira Barreto, onde permanecem a disposição da justiça, e J.R.C. foi encaminhada à Carceragem do Plantão Policial da Delegacia Seccional de Andradina, onde permanece a disposição da justiça.

O nome “Operação Delivery” foi escolhido tendo em vista que o setor de investigações da Delegacia de Polícia de Lavínia apurou que os investigados faziam entregas de drogas a domicílio, em qualquer horário do dia.

Ao todo participaram da “Operação Delivery” 30 Policiais Civis com 7 viaturas, que contaram com a importante colaboração de 02 agentes, com 2 cães farejadores, da SAP (Secretária de Administração Penitenciária).