Mirandópolis, terra de gentileza e escritores

Mirandópolis, terra de gentileza e escritores

Milton Lima, Ivone Matano e Fred Souza, provavelmente você já escutou histórias dessas figuras de Mirandópolis, não é mesmo? São personalidades conhecidas que têm uma coisa em comum: a literatura.

Milton Lima passou toda juventude em Mirandópolis, onde formou família e por mais de quarenta anos morou no município. Já escreveu sete livros abordando temas regionais, sendo que sua última obra foi ‘Minha vida e minha história’, publicado no ano passado. O romance foi baseado na vida do senhor Antonio Lopes da Silva Filho, Cespeano que reside em Ilha Solteira-SP.

“Minha família não tem escritores, mas gosto de escrever desde criança. Quando descobri a biblioteca e os livros foi um verdadeiro encanto. Estava ali a minha frente e ao alcance das mãos a chance que esperava para o meu aprendizado”, confidencia Lima. Seus livros não estão disponíveis para venda na internet, mas o escritor sempre deixou exemplares na Biblioteca Municipal de Mirandópolis para quem desejar conhecer suas obras.

Já Ivone Matano talvez tenha sido sua professora, pois começou a dar aula em Mirandópolis no ano de 1974. “Sempre gostei de escrever, me arriscava em alguns poemas, me deliciando com isso. Daí em 1997, com incentivo de diretores e professores da Escola Dr. Edgar Raimundo da Costa, escrevi meu primeiro livro, que se chama ‘Bob em nossa vida’”, recorda Ivone.

A escritora lembra que logo na sequência começou a escrever o livro ‘Um perfume para Rita’, mas deixou engavetado até 2015, quando finalmente voltou a trabalhar para finalizar a obra. O lançamento oficial foi em agosto de 2019, sendo uma autobiografia com pinceladas de ficção, se transformando em um romance. O livro pode ser adquirido no site das Lojas Americanas e do Submarino.

O Fred Souza nasceu em Mirandópolis e é um apaixonado pela cidade. Escreveu dez livros, sendo que o último foi ‘Sou para o que nasci’, que tem a missão de mostrar coisas boas que estão sendo feitas no mundo. “O arquiteto está fazendo coisas boas, os músicos e os professores também. Hoje só temos notícias ruins, a intenção é mostrar que as pessoas precisam acreditar na índole, ou destino, de se fazer coisas boas”, comenta Souza. O livro pode ser encontrado no site www.perse.com.br.

Conhece outro escritor em Mirandópolis? Mande sua sugestão para redação@agoranaregiao.com.br ou no WhatsApp (18) 9 9768-0801


                       
1721539413