Dirceu Agassi recebe ‘Moção de Aplauso’ pelos serviços prestados; e Bernardino Falaschi se torna nome de rua

Dirceu Agassi recebe ‘Moção de Aplauso’ pelos serviços prestados; e Bernardino Falaschi se torna nome de rua

Aconteceu na segunda-feira (16) a décima sessão ordinária de 2022 na Câmara de Mirandópolis. Entraram em pauta 4 projetos de lei, 4 indicações e 1 moção de pesar. Além disso, o vereador Claudio Morena fez uma moção de aplauso para Dirceu Agassi, em reconhecimento ao notável trabalho realizado em nossa cidade durante 54 anos, principalmente em cortes de cabelo e barbearia.

“Nascido em 1953, filho de Antonio Bento Agassi e de Adelina Catelan Agassi, Dirceu nasceu no distrito de Jamaica, em Dracena. Criança de uma infância muito simples, aos quatro anos seus pais mudaram para Mirandópolis. Seu pai trabalhava como barbeiro, com isso Dirceu aos 8 anos se tornou um engraxate ficando na porta do salão. Aos 13 anos começou a cortar os cabelos de amigos subindo em sua caixa de engraxate com a ajuda de seu pai”, diz a justificativa.

“Para conseguir sua primeira casa própria levantava às 2 horas da madrugada, juntamente com seu pai, para fazer vassouras que eram vendidas no salão. Em 1977 casou-se com Elza Tereza Golin Agassi, tiveram duas filhas – Elaine e Heloisa. Com muito esforço, em 1996, montou a loja Criselen Baby com objetivo de empregar suas filhas e ajudar nos estudos das mesmas. A loja está atuando há 25 anos em Mirandópolis. Na família um exemplo de esposo, pai e avô como nenhum outro. Diante do exposto, é com imensa satisfação que o poder legislativo faz a moção de aplauso”, finaliza o documento.

Dirceu Agassi recebendo sua moção de aplauso na companhia dos familiares e do vereador Claudio Morena.

BERNARDINO FALASCHI

O vereador Grampola Pantaleão colocou um projeto de lei para que a rua Dez, localizada no Jardim Esplanada, passe a se chamar rua Bernardino Falaschi. “Natural de Ribeirão Preto, onde nasceu em 1927, Bernardino mudou para Bento de Abreu para trabalhar em lavouras de café. Se casou em abril de 1947, com Diva de Melo Falaschi, teve duas filhas, Maria de Lourdes (em memória), Aparecida (em memória) e um filho adotivo – Roberto”, ressalta a justificativa”.

“Ele veio para Mirandópolis em 1948, trabalhou nas lavouras de café em várias fazendas da região. Em 1950, veio morar na cidade e começou a trabalhar na Casa Santa Glória, na época o proprietário era Assad Abud, ele permaneceu neste emprego por 13 anos, chegando ao cargo de gerente. Em 1964, colocou uma pequena venda na rua 9 de Julho, nº 1944, tornando um mercado de médio porte, onde trabalhou por 35 anos, após teve outra loja, na rua Dom Pedro I, nº 1934. Faleceu no dia 20 de outubro de 2020, aos 83 anos”, completa o texto.

SOLICITAÇÕES DO PREFEITO

O prefeito Mirão colocou em pauta três projetos de forma urgentes que propõem abertura de créditos suplementares no orçamento vigente. O primeiro é no valor de R$ 590 mil para realização de eventos festivos da cidade, em especial no mês de junho (aniversário de Mirandópolis). O segundo projeto é a abertura de crédito no valor de R$ 14 mil para a suplementação de ficha orçamentária a ser utilizada no Departamento de Promoção Social. Além disso, o prefeito pede uma terceira abertura de crédito no valor de R$ 1,9 milhão para pagar a empresa responsável pelo auxílio alimentação dos servidores municipais.

INDICAÇÕES

Entre as indicações, o vereador Afonso Carlos Zuin solicita ao Prefeito Municipal, uma homenagem ao professor e ex-vereador Walter Victor Sperandio, responsável pelo trabalho realizado na escultura do busto de Manoel Alves Athaíde, monumento localizado na praça central.

“É importante eternizar essa parte da nossa história, não só para a nossa geração, mas para sempre na memória de todos mirandopolenses, colocando uma placa em homenagem a esse grande cidadão e a sua obra, já que temos agora uma praça revitalizada e frequentada por muitos”, diz Afonso em sua indicação.

Uma segunda indicação de Zuin é para que através do departamento competente, seja determinado um lugar público para que todos os empresários ou instituições filantrópicas, principalmente as que realizam eventos, possam fazer suas propagandas. O vereador ressalta na indicação que seria melhor proibir a colocação de placas ou faixas na esquina da rua 9 de Julho com a Gentil Moreira, mais precisamente na esquina do semáforo no centro da cidade.

Vale ressaltar que a indicação parlamentar não tem caráter obrigatório. Cabe a prefeitura decidir se acata ou não o pedido do vereador.

MOÇÃO DE PESAR

Os vereadores Afonso Carlos Zuin e Roberto Gonçalves fizeram uma moção de pesar pelo falecimento de Ormindo Oliveira Filho, ocorrido no dia 8 de maio de 2022.


                       
1716386836