Lavínia se destaca em primeiro lugar no estado e no Brasil em índice de governança

Lavínia se destaca em primeiro lugar no estado e no Brasil em índice de governança

A prefeitura de Lavínia conseguiu uma excelente colocação no Índice de Governança Municipal (IGM) feito anualmente pelo Conselho Federal de Administração. A gestão atual obteve nota 7,86 e liderou o ranking entre as cidades com até 20 mil habitantes (Grupo 1) com PIB Per Capita de até R$ 15.600. Isso representa 1 897 municípios em todo o país e 76 cidades no Estado de São Paulo. Com o resultado, a cidade lavinense ficou na primeira posição a nível estadual e nacional.

Desde o ano passado, a prefeitura já mostrava resultados satisfatórios ficando em 9° no Estado e em 24° em todo o país. Lavínia possui atualmente 11 980 habitantes.

O IGM considera áreas como saúde, educação, gestão fiscal, recursos humanos, transparência, violência dentre outras, avaliando a governança pública nos municípios brasileiros a partir de três dimensões: Finanças, Gestão e Desempenho.

“Fazer gestão é trabalhar avaliando indicadores e implantação de ações na busca de melhores resultados. Só se pode melhorar aquilo que medimos. Isso é fruto do trabalho em equipe. O importante é que estamos mantendo a tendência de melhoria, vide resultados anteriores.  Apesar de estar em primeiro lugar no ranking de cidades de nosso porte vemos que é possível melhorar muito”, disse ao jornal o prefeito Clovis Izidio (PV).

MIRANDÓPOLIS

Já Mirandópolis ficou na 18ª colocação no Estado em um grupo com 113 municípios e na 45ª posição a nível nacional, com 551 cidades, obtendo a nota 7,25 do grupo 4, que avalia as cidades com até 50 mil habitantes e PIB Per Capita acima de R$ 15 463. No momento, a Cidade Labor conta com 29 564 habitantes.

Confira o ranking completo no site: http://igm.cfa.org.br/