Mirandopolenses superam desafios e completam tradicional Corrida Internacional de São Silvestre

Mirandopolenses superam desafios e completam tradicional Corrida Internacional de São Silvestre

Foto: Divulgação

A Corrida Internacional de São Silvestre aconteceu no último dia do ano de 2023 com cerca de 35 mil participantes, entre amadores e profissionais. Entre eles estavam 13 atletas de Mirandópolis que fazem parte da equipe Hidalgo Treinamentos Esportivos.

“Em 2022, enquanto assistíamos a corrida de São Silvestre na Padaria Vitória Régia após um treino em grupo, surgiu o assunto de participarmos da corrida. Esse desejo foi sendo alimentado no decorrer de 2023 até a abertura das inscrições em agosto”, recorda Marcos Hidalgo.

Além dos professores Marcos e Lincoln, participaram da corrida ⁠Fauzer Manzano, ⁠Luiz Renato Otaviano, ⁠Marcos Vinícius Baratela, Vinícius Rosa Alborguetti, ⁠Marcelo Ricardo dos Santos, Fabiana de Aguiar, Maurício Cestari Lomba, ⁠João Mikio Júnior, ⁠Graziela dos Santos Marcos, Murilo Kazuo e Danilo Yoshida.

“É a corrida mais difícil quando comparado com as provas que participarmos ao decorrer do ano, não só pela distância, mas também pelo percurso, que é traiçoeiro. No começo se o atleta não controlar ele roda muito rápido, mas os quilômetros vão cobrar no meio da prova ou na famosa subida da Avenida Brigadeiro Luiz Antônio, que dispensa apresentações. Ver cada atleta chegar, um por um, me fez refletir muito, pois há dois anos nenhum deles corria, agora eles completaram a São Silvestre”, comenta Marcos emocionado com a superação dos alunos.

Atletas da Hidalgo Treinamentos Esportivos antes da largada da São Silvestre. Foto: Divulgação

A PROVA

O trajeto atual, de 15 quilômetros, se consolidou depois de diversas alterações, que acompanharam as transformações da cidade. Atualmente, os corredores partem da Avenida Paulista, na altura da Rua Augusta, e passam por locais como a Avenida Ipiranga, o Largo do Arouche, a Praça da República, a Avenida São João e completam o circuito na Fundação Cásper Líbero, também na Avenida Paulista. Deparam-se, primeiro, com bastante descida, e, no meio do caminho, com a alternância de subidas e descidas.

A megaestrutura montada para atender aos corredores abrange a distribuição de 500 mil copos d’água, 35 mil lanches para atletas, 5 mil grades de proteção, 1,1 mil cones de trânsito, 1,1 mil cavaletes de trânsito e 4 mil pessoas envolvidas na organização, que cumprem diversas funções, de monitores à equipe de produção. Também foram escalados 200 profissionais da saúde e 75 bombeiros socorristas.


                       
1719164617