Roberto Gonçalves é eleito presidente da Câmara Municipal para 2023; Grampola Pantaleão será presidente em 2024

Roberto Gonçalves é eleito presidente da Câmara Municipal para 2023; Grampola Pantaleão será presidente em 2024

Aconteceu na quarta-feira (16) a 24ª sessão ordinária de 2022 na Câmara de Mirandópolis. Entrou em pauta 1 requerimento, assim como a eleição da mesa diretora para os mandatos de 2023 e 2024.

A primeira votação ocorreu para o mandato de 2023 e apenas a chapa ‘Harmonia’ foi registrada para concorrer a eleição para os cargos da mesa diretora. A votação foi realizada com voto secreto, sendo que os nove vereadores votaram sim.

Com isso, a formação para o ano que vem é a seguinte: Roberto Gonçalves (Presidente), Mônica Machado (Vice-Presidente), Magali Maziero (Primeira Secretária) e Afonso Carlos Zuin (Segundo Secretário).

“Venho a tribuna para deixar a minha gratidão a vocês vereadores. Estou muito contente, pois estarei com pessoas com capacidades e dignas de participar de uma mesa diretora. O mais gostoso é ter a confiança de todos os vereadores, pois precisamos de harmonia para trabalhar entre os poderes, só assim vamos conseguir entregar ações positivas para a população. Tudo que for de bom para Mirandópolis será feito. O trabalho que vem sendo feito, tanto em 2021 como em 2022, é um exemplo para a região, então vou trabalhar para continuar nesse ritmo de entrega”, diz Roberto Gonçalves, que será o presidente da câmara de Mirandópolis no ano que vem.

Afonso, Roberto, Mônica e Magali compõem a mesa diretora de 2023

Na sequência, houve uma segunda votação, dessa vez para o mandato de 2024. Também foi apresentada somente uma chapa, essa de nome ‘União’ que concorreu para os cargos da mesa diretora.

A votação foi realizada, sendo que foram 8 votos sim e 1 não, também com voto secreto. Com isso, a formação para a mesa de 2024 é a seguinte: Grampola Pantaleão (Presidente), Afonso Carlos Zuin (Vice-Presidente), Roberto Gonçalves (Primeira Secretária) e Magali Maziero (Segundo Secretário).

“Para falar da minha alegria em ser novamente presidente dessa casa, preciso voltar ao passado. Isso que estou vivendo hoje não seria possível se a Regina Mustafa não tivesse acreditado em mim e me colocado como presidente do SAAEM. Foi essa oportunidade que resgatou a minha dignidade e mostrou que tenho competência. Hoje ela não está aqui entre nós, mas tenho certeza que está feliz de saber que vou ser novamente presidente dessa casa. Não posso deixar de falar dos meus companheiros, Roberto que é um pai para mim, assim como Afonso e Magali, que aceitaram esse desafio de compor a mesa diretora comigo”, comenta Grampola.

Afonso, Grampola, Roberto e Magali compõem a mesa diretora de 2024

REQUERIMENTO

Ainda na sessão, oito vereadores colocaram em pauta um requerimento solicitando ao prefeito municipal, Mirão, explicação sobre a supressão e/ou troca de vegetação defronte ao prédio da prefeitura. O vereador Thiago Soares não participou do requerimento.

“É de conhecimento que o projeto de paisagismo do novo paço municipal foi doação de profissionais da área para a administração anterior. Isso nos leva que houve despesa do dinheiro público na compra de todas as espécies que foram plantadas. Portanto, qual o motivo da supressão? Uma vez que as espécies plantadas são árvores de grande porte, uma vez que não justificaria tal supressão. Entendemos ser relevante o pedido”, diz a justificativa do requerimento.


                       
1709092545