Pesqueiro do Ricardinho realizou cavalgada em Guaraçaí

Pesqueiro do Ricardinho realizou cavalgada em Guaraçaí

Aconteceu no dia 15 de janeiro, em Guaraçaí, a 4° Cavalgada do Pesqueiro do Ricardinho. O encontro reuniu mais de 130 cavalos com integrantes de Mirandópolis, Lavínia, Andradina, Murutinga do Sul e outras cidades da região.

“Estamos muito felizes porque a cavalgada teve recorde de participação, provando que a iniciativa privada pode, e deve, promover cultura e tradição na nossa cidade, sem fazer uso de nenhum dinheiro público! Basta força de vontade”, explica João Lucas Possenti, um dos organizadores do evento.

Segundo Possenti, a cavalgada foi um evento familiar em que todos os presentes se divertiram com som ao vivo e muita comida. “É satisfatório participar de um evento sem confusão, onde a diversão e o amor pela cavalgada prevaleceram. Tivemos shows com Lucas e André e DJ Punk, aproveito para agradecer os parceiros que proporcionaram um evento com segurança e uma estrutura de qualidade”, conclui.

O QUE É A CAVALGADA?

As cavalgadas são passeios tradicionalíssimos, principalmente no nordeste. Elas estão enraizadas na cultura sertaneja, tanto que o costume de passear a cavalo passa de geração em geração. Com o passar do tempo, as cavalgadas se transformaram em uma mescla de amizade, aventura, devoção, fé e integração com os animais.

As cavalgadas são passeios coletivos de cavaleiros. Elas se configuram como práticas tão importantes, que fazem parte do calendário cultural e esportivo de vários municípios da região.

Vale ressaltar que as cavalgadas são também manifestações de fé e devoção, que envolvem elementos religiosos e fazem referência à crença católica através dos santos, cortejos, votos e promessas.

OBJETIVO DA CAVALGADA

As cavalgadas podem ter diferentes objetivos: religioso, cívico, ecológico ou esportivo. Elas podem ser feitas a título de competição, ou podem simplesmente representar a busca por prazer, diversão e contato com a natureza.

Por ser uma atividade alegre, descontraída e, normalmente, bem organizada, a cavalgada é praticada por mulheres, homens, jovens, crianças e idosos. Ou seja, é uma tradição muito democrática e acessível.


                       
1719139889