Sessão conta com homenagem a Polícia Militar e com indicação solicitando adequações no velório municipal

Sessão conta com homenagem a Polícia Militar e com indicação solicitando adequações no velório municipal

Aconteceu na segunda-feira (13) a 3ª sessão ordinária de 2023 na Câmara de Mirandópolis. Entraram em pauta 1 projeto de lei, 4 indicações e 3 moções de pesar. Além disso, o vereador Claudio Morena fez uma moção de aplauso aos Policiais Militares Cabo PM Sandro Eduardo Reis e Cabo PM Silwagner Gomes Ferraz, em reconhecimento a conduta de salvarem a vida de uma criança recém-nascida, acometida por um engasgamento.

“Na noite de domingo (12/02), por volta das 22h, os policiais militares de Mirandópolis Cb PM Ferraz e Cb PM Sandro foram acionados para atendimento de ocorrência de engasgamento no bairro Sonho Meu. No local, encontraram a solicitante na calçada, tendo nos braços o neto recém-nascida, que naquele momento estava engasgado, provavelmente com leite, e sem respiração aparente. Prontamente os policiais realizaram nela a manobra de Heimlich visando desobstruir as vias respiratórias e o bebê passou a apresentar sinais de vida, sendo então levado ao hospital, onde foi atendido deixando-o internado, em observação médica. Diante do exposto e com imensa satisfação, que o poder legislativo de Mirandópolis vem por meio da moção de aplauso parabenizar os profissionais e a corporação”, explica a justificativa da moção.

O vereador Claudio Morena, autor da moção de aplauso, reiterou que “Sentimos tocados no coração no sentido de parabenizar os policiais em relação a ocorrência de salvamento do bebe. Além disso, entendemos que de forma geral existe a falta de valorização da Polícia Militar. Deus tem um proposito na vida dessa criança, e também dos envolvidos na ocorrência. O que vocês fizeram não tem preço, salvar a vida de uma pessoa, é algo muito grande. Por isso é o mínimo que a gente pode fazer nesse momento é uma moção de aplauso. Deixo novamente meus parabéns”, completa o edil.

OUTRAS INDICAÇÕES

O vereador Afonso Carlos Zuin indica ao prefeito para que sejam feitas novas aquisições e/ou todas as adequações (manutenção) necessárias nos aparelhos de ar condicionado das salas do velório municipal.

“Peço nessa indicação que seja feito reparos, infelizmente temos frequentado o velório e percebo que o ar condicionado não funciona ou não está adequado a sua capacidade para o tamanho da sala. Acho importante porque é uma hora dolorosa e pelo menos o município precisa dar o mínimo de conforto. A indicação foi feita, vai descer para a prefeitura, e peço ao diretor da engenharia e obras, que veja se tem necessidade de aumentar a capacidade para o conforto necessário”, reforça Afonso.

O edil Tiago Soares colocou em pauta três indicações, sendo uma para o prefeito estudar a possibilidade de instalação de um redutor de velocidade (lombada) próximo ao número 438 na Avenida Ipê. Uma segunda indicação é de regularizar pelo menos uma quadra da área reservada ao Distrito Industrial, localizada às margens da via de acesso Doutor Neif Mustafa, para instalação de pequena e grande empresa para geração de emprego. Por fim, o vereador solicita a implantação de uma escola agrícola no município.

Vale ressaltar que a indicação parlamentar não tem caráter obrigatório. Cabe a prefeitura decidir se acata ou não o pedido do vereador.

PROJETO DE LEI

O prefeito de Mirandópolis, Olegário dos Santos, fez um projeto de lei que autoriza o Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Mirandópolis (SAAEM) a adquirir parte de bem imóvel através de desapropriação amigável ou judicial.

MOÇÕES DE PESAR

Afonso colocou na pauta da sessão uma moção de pesar pelo falecimento de Enevilda Dornelas, ocorrido no dia 5 de março. O vereador Grampola fez duas moções, uma pelo falecimento de Manoel Rodrigues Salomão, no dia 23 de fevereiro, e uma outra para Nilton Orsi, que faleceu no dia 26 de fevereiro.

ASFALTO NA ALIANÇA

O vereador Emerson Comandante usou a tribuna para comemorar a notícia que o departamento de compras do município vai ter R$ 1 milhão para asfaltar os bairros da 1ª Aliança e 2ª Aliança. “Eu sei o sofrimento daquele povo, os nossos bairros rurais estão esquecidos. Se pegar o total de R$ 148 milhões que é o orçamento do município, você não vê 1% disso investido nos bairros rurais. Em 2022 também foi assim, sem investimento. Nós temos ruas lá que se quer foram canalizadas, é lamentável. Fico muito feliz com essa notícia”, ressalta Comandante.


                       
1712957414