A voz

A voz

Na época de Jesus havia outras pessoas que se arrogavam o título de “Messias”, o enviado de Deus. São João Evangelista, no primeiro capítulo de seu Evangelho, relata que os judeus haviam enviado sacerdotes e levitas para averiguar a identidade de São João Batista, que pregava e batizava no deserto. Ao ser questionado “Quem és tu” (v. 19), ele responde: “Eu não sou o Cristo” (v. 20) – a palavra ‘Cristo’ é o equivalente grego a ‘Messias’, de origem hebraica. E como os emissários não podiam voltar sem uma resposta, insistiram: “Dize-nos, afinal, quem és, para que possamos dar uma resposta aos que nos enviaram. Que dizes de ti mesmo?” (v. 22).

A resposta de São João Batista é de uma beleza e profundidade enormes: “Eu sou a voz que clama no deserto: Endireitai o caminho do Senhor, como o disse o profeta Isaías” (v. 23, citando o cap. 40, v. 3, do Livro de Isaías). É interessante que os outros três evangelistas trazem a mesma frase, com pequenas variações (o cap. 1º de São Marcos e o cap. 3 de São Mateus e de São Lucas); trata-se de uma exortação em preparação à vinda de Jesus, levando o povo a converter-se, penitenciar-se e buscar a fidelidade – no versículo 9 de São Lucas, há mais severidade ainda: “O machado já está posto à raiz das árvores. E toda árvore que não der fruto bom será cortada e lançada ao fogo”.

Essa voz que bradou no deserto da Judéia ecoa até os nossos ouvidos e nos chama à conversão, à extinção de vícios, à prática das virtudes e da caridade, à oração e à amizade com Deus! Não sejamos nós aquela parcela da multidão que espera um Messias ao seu bel-prazer, que simplesmente lhe satisfaça os desejos, mas ouçamos nosso padroeiro, homem escolhido por Deus, provado na austeridade do deserto e digno de confiança!

Também em nome do Pe. Orlando Maffei e dos funcionários e colaboradores da Paróquia São João Batista, damos os parabéns à cidade e aos munícipes de Mirandópolis pelos seus 89 anos! Que seu povo busque sempre ser merecedor de ter um patrono tão elevado, que aponta para o verdadeiro Cristo e diz: “Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo” (Evangelho de São João, v. 29).

Viva São João Batista!


                       
1709013269