Mais de 3 mil eleitores de Mirandópolis e Guaraçaí estão com o título cancelado; veja como regularizar a situação

Mais de 3 mil eleitores de Mirandópolis e Guaraçaí estão com o título cancelado; veja como regularizar a situação

Foto:

O município de Mirandópolis está com 2.438 eleitores com o título cancelado e, caso não regularizem a situação, não poderão votar nas eleições deste ano. A situação é semelhante também em Guaraçaí, onde 733 eleitores não estão com o título eleitoral normalizado. Atualmente, Mirandópolis possui 18.097 eleitores aptos, já Guaraçaí está com um total de 6.094 eleitores normalizados para votar.

Para regularizar o título eleitoral, é necessário verificar as pendências junto à Justiça Eleitoral, pelo portal do TSE ou pelo aplicativo e-Título. Em seguida, é preciso acessar o sistema Título-Net, solicitar requerimento para o atendimento desejado e enviar a documentação necessária para regularização.

Já para tirar o documento pela primeira vez, é necessário que o futuro eleitor informe, na página de requerimento do sistema Título-Net, a unidade da federação em que reside. Após esse procedimento, aparecerá informações sobre a digitalização de documentos necessários para a solicitação: uma foto (selfie) segurando um documento de identificação oficial com foto; comprovante de residência atualizado; para homens de 18 a 45 anos, é necessário enviar certificado de quitação de serviço militar.

Na página seguinte, em “Título de Eleitor”, ao solicitar a primeira via, o usuário precisa marcar a opção “não tenho” para prosseguir com o atendimento. Após o processo, será gerado um número de protocolo para acompanhamento da solicitação, que será analisada pela Justiça Eleitoral. Com a conclusão do trâmite, é possível emitir o título a partir do download do aplicativo “e-Título”, disponível nas lojas dos sistemas iOS e Android. É possível acompanhar a solicitação digitalmente. Também no site, clique em “autoatendimento eleitoral”, em seguida, “título eleitoral”, e depois “acompanhe uma solicitação”. Insira, então, os dados pessoais pedidos.

PRAZO PARA REGULARIZAR

Em 2024, o primeiro turno das eleições municipais ocorre em 6 de outubro. Isso significa que o cadastro eleitoral estará fechado, após o dia 8 de maio, para novas inscrições e outros procedimentos (entre eles a regularização da situação eleitoral).

Caso não regularizem a situação eleitoral, além de ficarem de fora das eleições municipais deste ano, o eleitor não consegue tirar passaporte, carteira de identidade, ingressar em universidade ou renovar matrícula em instituição de ensino superior, assumir cargo comissionado ou efetivo por aprovação em concurso público, obter empréstimo em instituições públicas com crédito mantido pelo governo e ainda podem enfrentar outras restrições.

Se o eleitor não conseguir regularizar de forma online, o Cartório Eleitoral de Mirandópolis está localizado na rua Seime Sadano, nº 1078. O funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 11h às 17h, sendo que possuem o WhatsApp (18) 3701-5130 para outras informações.

MUDANÇA NOS LOCAIS DE VOTAÇÃO

Em 2024, o Cartório Eleitoral de Mirandópolis confirma que fizeram uma readequação em um local de votação. A escola Ebe Aurora foi extinta, sendo que os eleitores das seções nº 59, 72, 76, 78, 87, 93, 99 e 103 que votavam na escola, foram transferidos definitivamente para o Centro de Educação Infantil Profª Graciosa Miloch Nozela, que fica na avenida Doutor Brandi Faria, nº 2800, no bairro Aeroporto.

Os demais locais de votação não sofreram alteração e permanecem ativos. É possível consultar seu local de votação e sua seção eleitoral no site do TER/SP (www.tre-sp.jus.br, Menu “Atendimento Online”, item “Título e Local de Votação”) ou pelo aplicativo E-Título, no item “Onde Votar”. Caso o eleitor queira mudar o local de voto, a data limite também é o dia 8 de maio.


                       
1713549441