Guardando a fé

Guardando a fé

Foto: Comunidade Fidelidade

A Carta de São Judas – santo cuja memória celebramos no dia 28 de outubro, junto com São Simão –, apesar de ter só um capítulo, chega a espantar pela atualidade. Não se sabe para quem ele a endereçou – diz somente “aos eleitos bem-amados em Deus Pai e reservados para Jesus Cristo” (v. 1) – e visa alertar a Igreja para os perigos trazidos pelos impostores que no fim dos tempos “viverão segundo as suas ímpias paixões; homens que semeiam a discórdia, homens sensuais que não têm o Espírito” (vv. 18-19).

Como se lê noutros trechos do Novo Testamento, já na época dos apóstolos havia divisões e escândalos causados por falsos ensinamentos e falsos pastores. Tanto é que no v. 3 São Judas afirma: “estando eu muito preocupado em vos escrever a respeito da nossa comum salvação, senti a necessidade de dirigir-vos esta carta para exortar-vos a pelejar pela fé, confiada de uma vez para sempre aos santos. Pois certos homens ímpios se introduziram furtivamente entre nós, os quais desde muito tempo estão destinados para este julgamento; eles transformam em dissolução a graça de nosso Deus e negam Jesus Cristo, nosso único Mestre e Senhor”.

Vivemos tempos difíceis e de muita confusão, além dos escândalos, guerras e de uma avalanche de cinismo e mentiras como nunca antes vistos. E imbuídos pela celebração do Dia de Finados – oficialmente chamado na liturgia de Comemoração de Todos os Fiéis Defuntos – e da Solenidade de Todos os Santos (domingo, dia 5), paremos para meditar sobre os graves riscos naturais e espirituais por que passa a humanidade e ouçamos a exortação de São Judas: “Mas vós, caríssimos, edificai-vos mutuamente sobre o fundamento da vossa santíssima fé. Orai no Espírito Santo. Conservai-vos no amor de Deus, aguardando a misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo, para a vida eterna” (vv. 20-21).

Temos que nos manter fiéis ao ensinamento dos apóstolos e firmes na oração, especialmente o Santo Terço (ou o Rosário), para não sucumbirmos às armadilhas dos inimigos da fé! Somos todos chamados a colaborar com o Senhor nestes tempos atribulados e precisamos da luz emanada pelas Sagradas Escrituras! Que os santos apóstolos e todos os santos dos Céus, que guardaram a fé até o fim, intercedam por nós hoje e sempre!


                       
1709056061